16 de abril de 2024 - 11:31

Ministro das Relações Exteriores condena ações de Israel na Faixa de Gaza durante visita à Palestina

Foto: AFP

O ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, condenou fortemente as ações de Israel na Faixa de Gaza, chamando-as de “imorais” e “ilegais”. Em discurso na Cisjordânia, afirmou que o Brasil continuará contribuindo para a UNRWA, agência da ONU que auxilia refugiados palestinos.

Vieira denunciou o uso de fome e sede como armas de guerra, classificando-as como “punição coletiva”. Ele elogiou a rapidez da ONU na investigação de acusações contra a UNRWA e recebeu o título de membro honorário do Conselho dos Curadores da Fundação Yasser Arafat em nome do presidente Lula.

Durante sua visita à Cisjordânia, reuniu-se com o chanceler palestino e o presidente da Autoridade Palestina para discutir a situação em Gaza. Abbas agradeceu o apoio de Lula aos palestinos e elogiou sua atuação global. Vieira também discutiu estratégias para a admissão da Palestina como membro pleno da ONU com o primeiro-ministro palestino.

Compartilhe nas redes sociais
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook